Favorite films

  • Do the Right Thing
  • Sorry to Bother You
  • Island
  • Battle Royale

Recent activity

All
  • The Cordial Man's End

  • Point Break

    ★★★★★

  • Paddington

    ★★★★

  • Salò, or the 120 Days of Sodom

Recent reviews

More
  • Point Break

    Point Break

    ★★★★★

    Eu amo como o filme entrega tudo nas cenas de ação, surfe, paraquedas e relações entre os caras, enquanto todo o resto soa como pequenas etapas para chegar ao ponto máximo das águas. A trama o tempo todo parece dizer "hm vc se empolgou com a perseguição policial, nao é mesmo? nada disso a parada aqui é surfe" e logo depois inverte.

    Os dois lados convivem num mesmo plano, numa mesma sintonia, igual na cena de abertura, meio incorporados pelo…

  • Salò, or the 120 Days of Sodom

    Salò, or the 120 Days of Sodom

    Um conto orquestrado por três aparentes contradições: os personagens da alta elite fascista, autoconscientes da posição e ideologia; os seus comportamentos, desconexos do que o bom senso pode imaginar sobre suas personas e a arquitetura do local, ornamentada como uma mansão no meio do nada, prezando pela tradição do que o belo deveria ser no ocidente (sem entrar em muitos detalhes, não sei se arrisco falar modernismo, clássico, enfim), até mesmo nos planos cinematográficos, que procuram capturar um equílibrio na…

Popular reviews

More
  • Cabeça de Nêgo

    Cabeça de Nêgo

    ★★★★

    Saulo é eu e cada jovem que sofreu mudanças severas com os discursos militantes mais explícitos veiculados nas redes sociais ou atingido fortemente pelas políticas de repressão também explícitas dos últimos anos. Saulo conversa com o "eu" juvenil de cada moleque adulto e representa muito bem a não obediência perante às situações.

    É um filme que junta todo o sentimento de revolta que a juventude - principalmente negra - teve e está tendo numa só história; e isso é muito…

  • Sertânia

    Sertânia

    ★★★★½

    This review may contain spoilers. I can handle the truth.

    Igor Nolasco dissecou melhor aqui

    Sertânia é um filme de tristezas. Me pego pensando nisso ao lembrar da cena da menina surda e o drama de Antão ao contar a tristeza de Jesuíno.

    O sargento que ilustra a réplica da Santa Ceia enquanto seus homens contam as lendas por trás da sua vida. Mas é Jesuíno, o inabalável e destemido que se emociona com o mais cruel destino que Deus poderia dar na vida de alguém. Como não ver toda…