Nando

Porra de um solitário, frustado, sonhando acordado e na merda diariamente.

Favorite films

  • The Godfather
  • Giant
  • The Boy and the Wind
  • The Umbrellas of Cherbourg

Recent activity

All
  • Oslo, August 31st

    ★★★★★

  • Bergman Island

    ★★★★

  • Saint Maud

    ★★★★

  • The Aviator's Wife

    ★★★★★

Recent reviews

More
  • Oslo, August 31st

    Oslo, August 31st

    ★★★★★

    É impressionante como o filme consegue pegar o tom introspectivo que o vazio existencial causa, da falta de perspectiva, de não enxergar a felicidade, de não se sentir vivo, a impossibilidade da construção social mesmo cercado de pessoas, a dependência química e a exaustão mental e o medo e o cansaço do recomeço. O Trier consegue construir uma obra com potência máxima sobre uma vida sem vida, sobre dores, sobre tantas coisas, não é sobre desistir é sobre não aguentar…

  • Bergman Island

    Bergman Island

    ★★★★

    Fui assistir Bergman Island sem nenhuma pretensão, e terminei o filme apaixonado pelo que vie, gostei bastante como a narrativa consegue inserir o imaginário do Ingmar Bergman e como seu trabalho transcende as pessoas que tem contato com suas obras. O início é incrível, a calma a construção da história, o trabalho maravilhoso da Vicky Krieps, mas tudo fica completamente melhor quando entra o arco do Anders Danielsen Lie (ano incrível do Anders no cinema) e Mia Wasikowska ambos excelentes,…

Popular reviews

More
  • Carandiru

    Carandiru

    ★★★★★

    Doutor! culpa tem remédio? Carandiru, um relato poderoso e sincero de um dos fatos que marcaram a história de nosso país, uma marca extremamente cruel no contexto histórico. Hector babenco fornece uma direção fria e crua, apoiado ao ótimo elenco, mesmo com inúmeros personagens tudo se encaixa. A sequência final é perturbadora e extremamente violenta, espero que pessoas de todo o mundo possam assistir a este trabalho que de maneira alguma pode ser esquecido.

    Doctor! Guilt has medicine? Carandiru, a…

  • The Father

    The Father

    ★★★★★

    The Father é uma obra humanamente frágil, seja pelo seu belo e exemplar roteiro, seja pelo tema delicado ao abordar com tamanha veemência, o envelhecer, o esquecimento das memórias e todas as dores, angústia e vulnerabilidade que a idade carrega. A direção de arte, fotografia e figurino aqui é impressionante, é de suma importância para contextualizar os sentimentos e efemeridade da obra, a Olivia Colman maravilhosa, faz um trabalho cauteloso e vasto, mas quem realmente faz uma performance monstruosa é…