RSS feed for Gabriel

Favorite films

Recent activity

All

Recent reviews

More
  • Passing Summer

    Passing Summer

    ★★★½

    Elipses que abrem espaço para incoerências que se costuram no protagonismo do tempo.

    Um filme para ser revisitado várias vezes e sempre encontrar algo novo.

  • Pulse

    Pulse

    ★★★★★

    Século XX: desenvolvimento tecnológico hiperacelerado impulsionado pelo capitalismo, consequentemente, a naturalização da civilização materialista, e por fim, a crise do espiritualismo tanto na religião quanto na filosofia. 

    Logo no início do século XXI, a internet surge como o ápice da evolução tecnológica. Algo tão grandioso que é imaterial, incompressível, invisível; todo o acúmulo de matéria alcançou o imaterial. 

    Espírito? 
    Rede? 
    Outro plano?
    Plano espiritual?
    Mas se é matéria... Vai lotar?

    Após o afastamento do pensamento espiritualista, materialistas têm que lidar…

Popular reviews

More
  • Glass

    Glass

    ★★★★

    Shyamalan enfrenta seu pior inimigo: o espectador que recusa a narrativa devido a falta de verossimilhança com o real, ou, o famoso "Que mentira!".
    Ciência, especialistas, médicos, polícia, organizações secretas e etcetera, são agentes anti-Shyamalan que tentam impedi-lo de seguir com sua narrativa inverossímil, ou melhor, crente na infinitude da arte.
    Se demorou 19 anos para o Glass criar a Besta, Shyamalan esperou 19 anos para o cinema alcançar seus poderes infinitos. Câmeras em todos os lugares, telas nas mãos dos seres humanos, streaming e até mesmo a pirataria. Cinema está em todo o lugar, ninguém pode parar os que têm fé e buscam ver além.

  • As I Was Moving Ahead Occasionally I Saw Brief Glimpses of Beauty

    As I Was Moving Ahead Occasionally I Saw Brief Glimpses of Beauty

    ★★★★★

    O filme mais belo e verdadeiro que já assisti.

    Um filme espiritual. Feito para atender a linguagem do espírito. 

    Composto apenas por imagens registradas pelo diretor em um período de 30 anos, Mekas faz uma visita as suas memórias evidenciando a beleza da vida e mostrando que ela está por toda parte. 

    O diretor registra com perfeição a beleza despercebida no cotidiano, provando que ela está ao alcance de todos e que qualquer um pode enxergá-la. É tudo uma questão…