Deadly Friend ★★½

This review may contain spoilers. I can handle the truth.

This review may contain spoilers.

A Maldição de Samantha é o nome deste filme no Brasil, um dos menores trabalhos de Craven em qualidade, mas uma produção acima da média. O filme é melhor do que se presume quando anuncia-se um filme sobre robo assassino - não é esta a realidade. O filme lida com elementos que interessam a ele, como os confrontos suburbanos, a pressão e desmoralização que adolescentes são impostos, um pouco como o medo que assombra a América.

Um filme estilo Frankenstein a 86, ou seja, um gênio que estuda o sistema nervoso do cerébro humano constrói uma máquina de estimação. Com o andar das tragédias, ele é levado a tornar-se um médico louco, e revive a mulher que ama a partir do chip do robô. O filme é bem confuso, mas tem boas sequencias, um olhar firme. Não acho que seja o caso de Craven ter feito o filme em absoluto desinteresse, num período que ele alternou projetos de tamanhos diferentes. Ele não conseguiu manter todo o filme no tom de saga juvenil louca e subversiva que poderia.