Earth and Blood ★★★½

Um ótimo exemplo de filme simples, porém eficiente. Não tem grandes reinvenções de roda ou reviravoltas mirabolantes, mas trabalha a melancolia de maneira assertiva, mostra muito mais do que fala, acerta no uso da câmera lenta como poucos e mantém a tensão até o último minuto.

Destaque principalmente para as sequências que inserem a surdez da filha como elemento narrativo, fazendo espectador acompanhar tudo sem escutar nem mesmo as vozes de uma discussão. Até os diálogos dessa ficam sem legenda para que o público interaja e permaneça dentro da história.

É um grande clichê? É... Mas isso não o impede de fazer um bom trabalho com pouco dinheiro e pouco tempo de tela.