Hillbilly Elegy ★★

Era Uma Vez um Sonho tinha muito potencial. Dizem que o livro é interessante, o elenco chama atenção, as temáticas envolvidas na trama são fortes... E é justamente por isso que é triste ver o filme afundar de maneira tão drástica.

O roteiro é uma grande união de clichês, a direção não possui identidade nenhuma e o elenco, apesar de entregar bons momentos, fica preso em personagens caricatos que nunca são realmente desenvolvidos. Ron Howard escolhe transformar uma premissa interessante num melodrama extremamente padronizado.

Mas eu acho que o problema é mais profundo. A maneira como o longa escolhe se movimentar no tempo cria fragmentos vazios que nunca aproximam o espectador daquela família. Temos flashes que impactam pontualmente, mas não duram emocionalmente.

O filme se apoia em frases feitas como "a família é tudo que importa", mas nunca consegue traduzir isso para as telas. Nunca consegue passar isso para o público, muito menos nos inserir na história. Isso cria um afastamento emocional que destrói o longa de uma vez por todas.

Flávio Augusto liked this review