RSS feed for Carlos

Favorite films

Recent activity

All

Recent reviews

More
  • Ruby Sparks

    Ruby Sparks

    ★★★

    Uma comédia negra com uma mensagem importante, divertida e relevante sobre o amor, amar e ser amado. O poder da imaginação leva a uma conclusão óbvia - para amar é preciso ceder à intenção do poder, do controlo, das expectativas de um ser - neste caso mulher - moldado segundo os nossos ideais. Uma narrativa original, que desafia as nossas percepções, não sabe bem como responder às nossas dúvidas e prova que não existe tal coisa como um par perfeito, por mais óbvios que sejam os nossos gostos ou conceitos de um amor utópico.

  • Skyscraper

    Skyscraper

    ★★½

    O maior mérito deste "Arranha-Céus", típico blockbuster musculado de verão realizado pelo cada vez menos desconhecido Rawson Marshall Thurber ("We're the Millers"), é comprovar que Dwayne Johnson consegue ser fenomenal mesmo num filme medíocre, repleto de impossibilidades e improbabilidades. Não há vilão humano que seja par para este "The Rock", pelo que o melhor de "Arranha-Céus" acaba mesmo por ser o seu duelo com o imponente e visionário edifício, numa mão-cheia de cenas tão ridículas quanto fantásticas de assistir na…

Popular reviews

More
  • Nas Nalgas do Mandarim

    Nas Nalgas do Mandarim

    ★★★★★

    No good movie is too long and it just seems new every time i see it. It is the closest i can come to understanding how a stranger really feels. We live in a box of space and time. Movies like this one are windows in its walls. It allow us to enter other minds, not simply in the sense of identifying with the characters, although that is an important part of it, but by seeing the world as another crazy person sees it. Long live Nas Nalgas do Mandarim.

  • mother!

    mother!

    ★★★★½

    This review may contain spoilers. I can handle the truth.

    Spoilers. Vêm aos pontapés nas próximas linhas, pelo que se sugere cautela ao leitor mais coca-bichinhos. Ou não, pois pela primeira vez na minha conturbadíssima carreira cinéfila - a tal que mete o Van Damme na mesma prateleira do Fritz Lang - sinto que seria fundamental seguir para um filme com umas guidelines do que se vai passar a seguir. Mas já lá vamos. Há duas maneiras de apreciar "Mãe!", a mais recente experiência do magnânimo Darren Aronofsky, nova-iorquino responsável…