RSS feed for Carlos

Favorite films

Recent activity

All

Recent reviews

More
  • Baby Driver

    Baby Driver

    ★★★★

    O mais recente filme do divertido - sem precisar de ser pateta, algo cada vez mais raro nos dias que correm - e criativo Edgar Wright tem swag, muito swag. "Sai da frente ó Guedes" meets Tarantino num produto narrativamente frágil mas, e este é um belo mas, repleto de energia, pinta e uma harmonia sono-plástica notável com a cinematografia ousada e kinky de Bill Pope - Pope que foi "só e apenas" o responsável visual dos dois primeiros "The…

  • Naked

    Naked

    ★★½

    Soa muito mal dizer que "Naked", o mais recente filme do realizador - que não interessa o nome pois daqui a um quarto de hora já não se lembram - que faz todas aquelas sátiras patetas dos blockbusters mais in de cada ano ("As Cinquenta Sombras de Black" ou "Inatividade Paranormal"), é a versão negra casamenteira d'O Feitiço do Tempo, clássico de Harold Ramis que está farto de levar pancada em Hollywood cada vez que alguém tenta homenagear o seu…

Popular reviews

More
  • Nas Nalgas do Mandarim

    Nas Nalgas do Mandarim

    ★★★★★

    No good movie is too long and it just seems new every time i see it. It is the closest i can come to understanding how a stranger really feels. We live in a box of space and time. Movies like this one are windows in its walls. It allow us to enter other minds, not simply in the sense of identifying with the characters, although that is an important part of it, but by seeing the world as another crazy person sees it. Long live Nas Nalgas do Mandarim.

  • mother!

    mother!

    ★★★★½

    This review may contain spoilers. I can handle the truth.

    Spoilers. Vêm aos pontapés nas próximas linhas, pelo que se sugere cautela ao leitor mais coca-bichinhos. Ou não, pois pela primeira vez na minha conturbadíssima carreira cinéfila - a tal que mete o Van Damme na mesma prateleira do Fritz Lang - sinto que seria fundamental seguir para um filme com umas guidelines do que se vai passar a seguir. Mas já lá vamos. Há duas maneiras de apreciar "Mãe!", a mais recente experiência do magnânimo Darren Aronofsky, nova-iorquino responsável…