L. A. Resnais

L. A. Resnais

"Quando uma imagem não é um sentimento, acho que não existe."

Favorite films

  • Stella Dallas
  • Hiroshima Mon Amour
  • Nenette and Boni
  • Fake Blonde

Recent activity

All
  • The Boy and the Heron

    ★★★½

  • Ferrari

    ★★★½

  • The Curse

    ★★★★½

  • Rear Window

    ★★★★★

Recent reviews

More
  • Ferrari

    Ferrari

    ★★★½

    1. Em uma missa, um padre fala aos habitantes da pequena cidade. Diz que se Jesus tivesse nascido hoje, ao invés de um carpinteiro, trabalharia com metal, motores, assim como todos eles. Em paralelo a comunhão, um piloto tenta quebrar o recorde de velocidade em um carro de corrida. O barulho do motor não contrapõe a missa, mas a complementa, fundem-se. Tentando quebrar esse recorde depois, Enzo Ferrari vê um de seus pilotos morrer.

    2. Durante uma longa corrida cortando…

  • Rear Window

    Rear Window

    ★★★★★

    Lindo o Technicolor e todo esse cenário, o pequeno amontoado de aquários, mas meus olhos brilharam mesmo foi em toda a cena na escuridão. O rastro de luz do corredor, o momento que Stewart se levanta da cadeira e a escuridão cobre sua cabeça, e então quando o assassino entra e somente seu rosto é iluminado. Algo absurdo de se ver, consegue transcender e invocar os pesadelos do fundo do inconsciente coletivo. A encarnação da escuridão do apartamento do outro lado do pátio, que apenas uma brasa brilhava esperando o momento de encarar de volta.

Popular reviews

More
  • Pictures of Ghosts

    Pictures of Ghosts

    ★★½

    Gosto nas partes que para de falar Eu.

  • I'm Thinking of Ending Things

    I'm Thinking of Ending Things

    O mea culpa do Kaufman por ter “disseminado” o estereótipo da Manic Pixie Dream Girl? Eu estou pensando em como não senti nada. Toda essa coisa de memória e tempo, essas vias de metalinguagem que são obviamente tão caras a ele desde o começo da carreira, somam-se a questões atuais sobre representações de doenças mentais e de gênero. Com personagens falando e citando e falando mais em um filme tão visualmente desestimulante que gera até saudade de alguém como Gondry…