Favorite films

Don’t forget to select your favorite films!

Recent activity

All
  • Warning Shadows

  • Les Misérables

  • North by Northwest

  • So Big

Recent reviews

More
  • Warning Shadows

    Warning Shadows

    SOMBRAS
    Por Iris Barry

    [BARRY, Iris. Warning Shadows. The Spectator, Londres, p. 10-11, Novembro, 1924.]

    MUITAS semanas atrás, sentei-me em um pequeno escritório e assisti a um filme. Era único, mas já estava invisível há meses, e parecia haver pouca chance de emergir. Fiquei particularmente triste por isso, já que as pessoas estão sempre me desafiando a dirigi-las para um filme incomparável que o fará convertê-los de uma vez por todas para uma crença tão feroz quanto a minha nos…

  • Les Misérables

    Les Misérables

    CLÁSSICOS DO CINEMA TNR: “Os Miseráveis” (1936)
    Por Otis Ferguson

    [FERGUSON, Otis. TNR Film Classic: 'Les Miserables' (1936). The New Republic, New York. Novembro, 1936.]

    Aqueles que estão vendendo o filme francês Les Miserables para o público americano estão entrando no ângulo do “desafio”; “A França desafia a comparação com a versão americana.” Embora esta seja uma maneira muito boa de vender a imagem para o tipo de comércio para o qual ela será vendida, ainda haverá alguns de nós…

Popular reviews

More
  • Entranced Earth

    Entranced Earth

    ERA UMA VEZ NA PARAÍBA
    Por Nelson Rodrigues

    [RODRIGUES, Nelson. A menina sem estrela - Memórias. Correio da Manhã. Rio de Janeiro, p. 228-230, 16 mai. 1967.]

    Como é antigo o passado recente! – eis a exclamação que não me farto de repetir. E, realmente, como a melindrosa de 1929 é anterior a Sarah Bernhardt. Como o Ford de bigode é mais velho do que a charrete de Ben-hur. Aí está o óbvio que ninguém enxerga. E, no entanto, qualquer…

  • Abraham Lincoln

    Abraham Lincoln

    SUBLIMIDADE VERSUS VULGARIDADE
    Por Iris Barry

    [BARRRY, Iris. Sublimity versus Vulgarity. The Spectator, Londres, p. 9-10, Outubro, 1924.]

    Na teoria de que o público deseja se divertir quase que exclusivamente com lixo, o cinema americano — falo dele de forma abrangente, não de suas melhores realizações — insistiu durante anos que o centavo é sua única moeda, que o público típico prefere sentimentos falsos à realidade e exige salões de baile dourados, orgias pateticamente decorosas, mas caras, sentimentos mesquinhos e…