Favorite films

  • Abraham's Valley
  • Island of Loves
  • Regular Lovers
  • À Nos Amours

Recent activity

All
  • Crimes of the Future

    ★★★½

  • Ivan's Childhood

    ★★★

  • But What If This Is Love?

    ★★★★½

  • Nine Days of One Year

    ★★★★

Recent reviews

More
  • Crimes of the Future

    Crimes of the Future

    Talvez menos sobre o futuro do corpo humano do que sobre a futuridade dos modos de atribui-lo significado consoante aos desenvolvimentos da técnica que permite manipulá-lo — angústia moderna por definição, exortando o senso de decadência civilizacional (à conta da desestabilização da categoria humana) e o espírito vanguardista do pensamento artístico (mediante o recentramento dos ideais iluministas antropocêntricos). Mas apesar da centralidade que o experimentalismo semântico desempenha para aquelas pessoas, os sentidos conjecturados só vão se justificar através da legitimidade…

  • Ivan's Childhood

    Ivan's Childhood

    Genealogicamente, o Tarkovsky se posiciona como uma espécie de continuador estilístico do Urusevsky, mas dirigido a preocupações de ordem metafísica. Assim sendo, minha resistência à forma que esse cinema toma é: ainda que seus atributos no tocante ao lirismo pictorialista possam ser mesmo impressionantes, o eixo filosófico ou espiritual, que programaticamente deveria dar gravidade às imagens, jamais me afeta em termos de composição poética e sequer me convence quanto à costura reflexiva. Só restando contemplar sua fotogenia alegadamente etérea, desses…

Popular reviews

More
  • Synonyms

    Synonyms

    ★★★★★

    "Será a loucura meu último vínculo com o judaísmo?" — Katja Petrowskaja, Talvez Esther.

    Paris ocupa um lugar crucial no contexto da fundação do movimento sionista como palco do Caso Dreyfus, o qual se desenrolou a partir de 1894. Qual a data que a professora de Yoav destaca como sendo a mais importante de todas? 1905, quando houve a separação entre Igreja e Estado. Depois de Dreyfus. “Ninguém na França pergunta a sua religião”, ela afirma. Dreyfus é reabilitado em…

  • Memoirs of a Strangler of Blondes

    Memoirs of a Strangler of Blondes

    ★★★★★

    "Nós não estávamos de todo inconscientes de que, paralelamente ao fato de que colecionávamos imagens violentas nas letras das nossas canções, sons desagradáveis e ruídos nos nossos arranjos, e atitudes agressivas em relação à vida cultural brasileira nas nossas aparições e declarações públicas, desenvolvia-se o embrião da guerrilha urbana, com a qual sentíamos, de longe, uma espécie de identificação poética. Desse modo, tínhamos, por assim dizer, assumido o horror da ditadura como um gesto nosso, um gesto revelador do país, que nós, agora tomados como agentes semiconscientes deveríamos transformar em suprema violência regeneradora."

    Caetano Veloso