RSS feed for Arthur

Favorite films

Recent activity

All

Recent reviews

More
  • mother!

    mother!

    ★★★★½

    Funciona tanto a nível da fanfarrice pastiche (a lavagem de roupa suja gore polanskiana), como da alegoria óbvia que não tá interessada em muitas sutilezas. É o melhor filme do Aronofsky até hoje justamente porque concilia o realismo surtado com essa mística de auto ajuda cristã. Uma dinâmica de forças que, apesar das metáforas, parece mesmo empenhada em uma desestabilização muito física do seu espaço. A metáfora pro diretor é mais uma sublimação necessária, um meio pra se alcançar a…

  • Spider-Man: Homecoming

    Spider-Man: Homecoming

    ★★★½

    Não deixa de ser uma prova de que com mais esforço essa fórmula do MCU consegue ir um pouco além das dimensões de sempre. De uma simples relação de gênero um pouco mais sofisticada (drama e comédia não se auto-anulam como é de praxe nesses filmes, mas se potencializam dentro da unidade da jornada) à pontualidade das cenas de ação. Não sei se dá pra dizer que a ação chega a ser exatamente bem dirigida, mas que pelo menos existe alguma direção, existe. Principalmente por uma objetividade que, graças a deus, rejeita aquela zona de tiros e pontapés pra todos os lados dos filmes dos Vingadores.

Popular reviews

More
  • Aquarius

    Aquarius

    ★★★★

    Poucos filmes conseguem intuir tão bem uma certa identidade brasileira como "Aquarius". Acho que até mais do que "O Som ao Redor", existe aqui uma vontade de se dedicar a uma construção mítica do país que não passa apenas pela tensão de classes, mas que busca uma valoração cultural. Uma valoração que vai além das citações musicais ou de referências mais diretas, mas que de certa forma identifica como alguns valores culturais acabam formando o caráter de uma pessoa ou…

  • La La Land

    La La Land

    ★½

    Com certeza um dos filmes mais moralistas que eu já assisti. O que me incomoda nem é essa nostalgia vazia, que até ai já foi objeto de fetiche em uma penca de filmes bestas e com certeza esse não será o último, mas o que me irrita mesmo é esse desprezo pelo contemporâneo que se reflete numa presunçãozinha bem canalha mesmo. Um filme onde só o jazz clássico salva mas os negros são objetos de cena? Onde rola toda uma…