Carlos Quintão

Professor e crítico de cinema
Realizador do podcast CABINE CINE RÁDIO:
RSS FEED: anchor.fm/s/ea4e4cc/podcast/rss

Favorite films

Don’t forget to select your favorite films!

Recent activity

All
  • They Were Expendable

    ★★★½

  • Not Wanted

    ★★

  • Rasputin: The Mad Monk

    ★★★½

  • Antlers

    ★★

Recent reviews

More
  • The Perfect Storm

    The Perfect Storm

    ★★★

    Tirando toda a parafernália, é um filme de aventura dos anos 1940 em essência, que poderia muito bem ter sido dirigido por um cineasta muscular como Victor Fleming. A carpintaria já estabelecida nos final da década de 1990 é impecavelmente urgida e encaixada. Mas o que surpreende é constatar que fotografia, direção de arte e efeitos mecânicos ainda hoje mesclam tão bem com os efeitos digitais, numa época em que a ambição destes nem sempre era igualada pela tecnologia disponível. Inaceitável ter perdido o Oscar da categoria para GLADIADOR.

  • Jurassic World Dominion

    Jurassic World Dominion

    ★★

    Existem algumas imagens evocativas em JURASSIC WORLD: DOMÍNIO - os cowboys cavalgando lado a lado com os parassaurólofos, os veículos sendo atingidos pelos nasutocerátopos, os apatossauros sendo guiados pelos sinalizadores. Todas essas imagens remetem graciosamente a outros filmes (O VALE PERDIDO, HATARI!) ou caminhos muito mais interessantes do que o que se tem aqui.

    Após o primeiro JURASSIC WORLD emular com competência e senso de diversão a estrutura e o tom do JURASSIC PARK original, é admirável a tentativa de…

Popular reviews

More
  • The Last Duel

    The Last Duel

    ★★★★

    O ÚLTIMO DUELO é o novo tomo daquela que provavelmente é a maior obra de Ridley Scott. Talvez individualmente o cineasta tenha filmes mais significativos, melhores ou populares - ALIEN, BLADE RUNNER, THELMA & LOUISE, GLADIADOR - mas, tomada como um todo, a tetralogia medieval formada por 1492: A CONQUISTA DO PARAÍSO (1992), CRUZADA (2005), ROBIN HOOD (2010) e agora O ÚLTIMO DUELO é um feito impressionante. Nunca ninguém tinha abordado a Idade Média no cinema com tamanho escopo, detalhismo e,…

  • Midsommar

    Midsommar

    ★★★

    A parte inicial é soberba. Até o momento em que os personagens chegam à comunidade, Aster consegue construir um perturbador clima de expectativa, que supera os melhores momentos de seu HEREDITÁRIO.

    O problema é que, a partir daí, o filme vai progressivamente esvaziando sua tensão, ao ponto do desinteresse. A inevitável letargia não é suspensa nem pelos momentos de choque e escatologia. O ritmo cadenciado acaba por contribuir para dar tempo ao espectador de antecipar as reviravoltas.

    Tanto aqui quanto…