Rocky ★★★★

Rocky Balboa (Sylvester Stallone) trabalha cobrando dinheiro para um agiota e nas horas vagas treina boxe na academia de Mickey (Burgess Meredith) e já tentou ser um lutador conhecido, mas não foi bem-sucedido. Todos os dias passa no pet shop onde trabalha seu interesse amoroso Adrian (Talia Shire), irmã de Paulie (Burt Young). O boxeador campeão mundial dos pesos-pesados, Apollo Creed (Carl Weathers), perde seu desafiante para uma contusão e, na falta de um dos líderes do ranking, decide dar chance a um desconhecido. O nome de Rocky é escolhido por acaso e o boxeador tem a chance de ficar famoso.

Rocky é um filme histórico de muitas formas. É impressionante que um ninguém como era Stallone na época tenha conseguido colocar seu projeto pessoal no mercado, com roteiro próprio e ainda estrelado por ele! E dirigido pelo John G. Avildsen, que não era um grande diretor, mas também não era um desconhecido. E mais: tudo isso foi recompensado pela Academia com várias indicações ao Oscar, vencendo inclusive a de Melhor Filme. Um marco!

E o filme merece esse reconhecimento. Ao apresentar Rocky como um homem batalhador e que tem no boxe uma paixão, mas ao mesmo tempo desiludido de que possa ganhar a vida lutando, o filme permite que nos identifiquemos com o personagem, que é uma pessoa como nós e jamais é tratado como dotado de habilidades especiais. Stallone é parte importante do sucesso desta estratégia, especialmente porque nesta época era ele também um de nós, antes da fama e do dinheiro.

O longa inaugural da série ainda conta com uma boa sequência de boxe e a icônica cena do treinamento, exibida duas vezes, com pequenas diferenças: na primeira, Rocky ainda estava fora de forma, cansado; e na segunda, ele se sente pronto para enfrentar Creed. A trilha sonora de Bill Conti é essencial para que o espectador sinta esta diferença e gera a confiança necessária para que acreditemos que o personagem tem chances.

Eu nunca havia assistido Rocky, e agora quero logo ver os seguintes, apesar de saber que algumas decepções me aguardam no caminho. Mas este primeiro longa me deixou animado pelas aventuras do boxeador.

Report this review

Elvis liked this review